ATUALIZAÇÃO da postagem "Matrículas em EAD" (com dados de 2008)

novembro 30th, 2009

Segundo o professor da Universidade de Harvard, Clayton Christensen, a EAD é uma tecnologia de ruptura no ensino. Admitindo a forma verificada para o crescimento de tecnologias de ruptura, é possível estimar que, mantidas as atuais circunstâncias, as matrículas de EAD no ensino superior no Brasil superarão as presenciais entre 2.011 e 2.012. Além disso, um curso em EAD custará então 70% do que custa hoje e, em 2016, a metade.

Categorias: Sem categoria |

Deixe um comentário